rádio região de basto

105.6fm - 93.1fm

uma rádio que vale por duas!

Procurar

Felgueiras que construir mais 30 km de água e saneamento este ano

A autarquia de Felgueiras vai construir 30 Km de rede de abastecimento de água e saneamento em 2024: Diz a autarquia que a ampliação das redes resulta de um investimento municipal superior a 3 milhões de euros.

Foi na passada semana, a 4 de Janeiro que, o Auto de Consignação para a construção de mais 30km de rede de drenagem de águas residuais e de rede de abastecimento de água, foi assinado no Auditório de Câmara Municipal de Felgueiras. A adjudicação, decorrente de um concurso público internacional de 11 lotes, foi feita a 6 empresas. 

“Estas obras inserem-se no Plano Municipal de Saneamento 20/30, prevendo-se que até 2030 sejam investidos mais de 20 milhões de euros, para o alargamento das redes de saneamento e de abastecimento de água.” revela a autarquia.

O presidente da Câmara Municipal, Nuno Fonseca realça que este Plano, iniciado em 2020, tem contribuído para um aumento significativo das taxas de cobertura em todas as freguesias do concelho: “no âmbito do Plano Municipal de Saneamento 20/30 a rede de saneamento chegou a mais 2 mil 550 casas, servindo 6 mil 350 felgueirenses”. O presidente conclui que “Este procedimento representa um aumento de 5% na taxa de cobertura de saneamento”. 

No âmbito dos contratos assinados este ano serão construídos cerca de 28 km de rede de saneamento e mais de 4 km de rede de abastecimento de água. A execução das empreitadas permitirá que 1146 habitações se liguem à rede de saneamento e 157 habitações à rede de abastecimento de água, beneficiando mais de 3 mil habitantes no caso do saneamento e cerca de 400 habitantes no caso da água. 

O vereador das Infraestruturas Urbanas, Ricardo Freitas,  salienta que “a estratégia seguida visa cumprir o acordo feito com as juntas de freguesia com vista a alargar a cobertura de saneamento e água às 32 freguesias. Nesse sentido está em fase de conclusão um novo concurso público que irá abranger as freguesias que ainda não foi possível contemplar no procedimento hoje adjudicado”.