line

BARRA BASTOMEDIA

VERMAIS

Harmos classical logoA Harmos Classical vai levar música a 11 cidades do Norte do país. De 25 a 30 de Março em Cabeceiras e Mondim de Basto, Fafe, Guimarães, Povoa de Lanhoso, Vieira do Minho, Vizela, Lousada e Porto recebem um total de 28 concertos a decorrer em simultâneo.

A apresentação da iniciativa decorreu ontem no Paço dos Duques em Guimarães pela Comunidade Intermunicipal do Ave, a organizadora do evento. O Diretor Artístico do Festival, Bruno Pereira, destacou a solidez do projecto, "O Harmos já deu provas da importância que tem, pela sua exclusividade, por ser um festival único a nível nacional e internacional". Chegou, por isso, o momento do evento dar o passo para a internacionalização o que vai acontecer em 2015. "Está confirmado o Harmos em 2015 em Leipzig, na Alemanha e embora não havendo ainda a confirmação, estamos com boas perspetivas de realizar o festival em Santa Maria, no Brasil", anunciou Bruno Pereira. O Harmos Classical é um projecto da Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Instituto Politécnico do Porto (ESMAE-IPP) e a Engenho de Ideias que conta com a parceria da Comunidade Intermunicipal do Ave (CIM do Ave).O Harmos Classical chega aos municípios da CIM do Ave com financiamento do QREN- Quadro de Referência Estratégico Nacional, através do Programa Operacional Regional do Norte - ON.2 - o Novo Norte. Todos os espectáculos que decorrem nos municípios da CIM do Ave têm entrada gratuita.

Os promotores destacaram na apresentação que o evento traz a Portugal "o melhor que se faz em todo o mundo". Nos cinco dias em que decorre o festival, músicos de escolas de música de sete países (Portugal, Holanda, Bélgica, Alemanha, Lituânia, Noruega e Reino Unido) são os protagonistas dos concertos.

 

Harmos Classical

PODCAST-RRB-BUTTON

Espaço Aberto

ESPAÇO ABERTO

Madrugar

Madrugar

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos