rádio região de basto

105.6fm - 93.1fm

uma rádio que vale por duas!

GNR regista o menor número de incêndios da última década

Registou-se em 2023 o menor número de ocorrências de incêndio da última década.  Quem o diz é a GNR que divulga agora dados do ano passado relativamente à operação Floresta Segura. Foram registadas 3 292 contraordenações, destacando-se  2577 por limpeza de terrenos 475 por queimas e fogueiras. Foram registados no ano passado 4 332 crimes de incêndio florestal, tendo sido efetuadas 63 detenções e  identificados 970 suspeitos. Foram investigadas 6908 ocorrências de incêndio, 32% destas correspondem ao uso do fogo, 21% ao incendiarismo, 10% derivam de causas acidentais, 3% resultam de reacendimentos, 1% de causas estruturais e 1% devem-se a causas naturais. A Operação Floresta Segura da GNR é realizada com a ajuda de 158 câmaras que cobrem atualmente uma área estimada de 6.300.000 hectares do território de Portugal Continental.

Segundo a GNR “A Operação Floresta Segura da GNR contribuiu decisivamente para uma redução significativa do número de ocorrências graves e dos impactos negativos que as mesmas podem causar na sociedade, tendo-se registado em 2023 o menor número de ocorrências de incêndio da última década.”

No ano passado funcionaram 230 Postos de Vigia e foram relaizadas 45 782 ações de patrulhamento , “coordenados e apoiados por meios aéreos com meios tripulados e não tripulados, que permitiriam a deteção precoce e a identificação precisa das ignições, garantindo um célere despacho de meios de supressão e apoio à investigação”. Revela ainda a GNR que existe ao dispor, a Plataforma eletrónica “DIVDIR” na qual são monitorizados todos os alertas detetados, sendo de realçar 1616 alertas emanados pela vigilância fixa, 601 por intermédio de vigilância móvel, 40 por via de vigilância aérea e 6174 decorrentes de populares.