rádio região de basto

105.6fm - 93.1fm

uma rádio que vale por duas!

Risco de inundações e cheias prevê a Agência Portuguesa do Ambiente

De acordo com a informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se,
para as próximas 48 horas, precipitação, por vezes forte, vento, agitação marítima e queda de
neve.
Avisa o IPMA que a precipitação que poderá ser por vezes forte e acompanhada de trovoada, nas regiões
do Norte e Centro, em particular no Minho e Douro Litoral; previsão de vento forte, com rajadas até 100 km/h, nas terras altas do Norte e Centro; agitação marítima forte, com ondas de 6 a 9 metros; possibilidade de queda de neve nos pontos mais altos da Serra da Estrela.

Segundo a informação disponibilizada pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA) há risco de inundações e cheias c devido ao aumento das afluências de Monção e Valença, na bacia Hidrográfica do rio Minho; na Bacia hidrográfica do rio Lima: aumento das afluências de Ponte da Barca e de
Ponte de Lima; ainda na Bacia hidrográfica do rio Cávado (situação mais crítica): aumento das afluências,
com reduzida capacidade de encaixe das albufeiras, a traduzir-se no aumento de caudais
a jusante da confluência; Bacia hidrográfica do Ave: aumento das afluências em Santo Tirso; Bacia hidrográfica do Douro: mantêm-se elevadas as afluências na sub-bacia do
Tâmega (com impacto em Amarante) e no rio Douro; Bacia hidrográfica do Vouga: possível aumento das afluências na barragem de Ribeiradio; Bacia hidrográfica do Mondego: possível aumento das afluências das albufeiras deAlto Ceira, Raiva e Fronhas e de Coimbra.
Nas bacias urbanas e, em particular, naquelas em que se faça sentir o efeito de maré, não é
de excluir a possibilidade de inundações nas zonas historicamente vulneráveis.