slogan

Diana Priscila Pires.Uma investigadora do Centro de Engenharia Biológica (CEB) da Universidade do Minho, Diana Priscila Pires, foi distinguida com uma Medalha de Honra L'Oréal Portugal para as Mulheres na Ciência.

A cientista vai receber 15 mil euros para melhorar a eficácia da terapia fágica no combate à bactéria Pseudomonas aeruginosa, que é muito resistente a antibióticos e está associada a graves infeções hospitalares e a elevada mortalidade.

O prémio atribuído pela L'Oréal Portugal, Comissão Nacional da UNESCO e Fundação para a Ciência e a Tecnologia procura incentivar investigadoras em Portugal, já doutoradas e até aos 35 anos, a prosseguirem estudos originais e relevantes para a saúde e o ambiente. A Medalha de Honra L'Oréal Portugal vai na sua 16ª edição e pretende contribuir para aumentar o número de cientistas mulheres a nível mundial, que continua abaixo dos 30% e é o quarto ano consecutivo que um dos prémios vem para a UMinho.

Na sua investigação, Diana Priscila Pires trabalha com vírus bacterianos que não são lesivos aos humanos, mas que infetam as bactérias nocivas. Chamam-se fagos ou bacteriófagos. São considerados promissores para tratar infeções bacterianas que não respondem aos antibióticos.

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Madrugar

Madrugar

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos