slogan

Os verdesO PEV Regozija-se com o Anúncio Efetuado Agora pelo Ministro do Ambiente de Não Construção da Barragem do Fridão.

A decisão, agora anunciada pelo Ministro do Ambiente e Transição Energética, de não construção da Barragem Hidroelétrica do Fridão, constitui "uma vitória do PEV que contribuiu em muito com as lutas travadas ao longo dos anos e que aquando da elaboração da Posição Conjunta com o PS, que viabilizou esta solução governativa, deram um contributo inegável para que fosse esta a decisão final". Revela o partido em comunicado que "ss declarações do Ministro indiciam que a não construção da Barragem Hidroelétrica do Fridão não levará à restituição de qualquer verba à EDP, no entanto não deu por encerrada a questão."

Dizem ainda:"O PEV espera que seja assim mesmo, uma vez que tal como se tem demonstrado o governo tem diferentes condições/ferramentas na mão para esse efeito, uma vez que a EDP já foi suficientemente beneficiada em prejuízo do Estado na Barragem do Tua. Esta decisão agora anunciada vai retirar definitivamente o peso que pairava sobre a população de Amarante de uma rutura da barragem e vai permitir que 120 famílias de Mondim de Basto possam dormir, a partir de agora, sossegadas, depois 11 anos de angústia, pois ficaram assim a saber que a sua habitação não será submersa.

Os Verdes lembram que estes eram, entre muitos outros, alguns dos impactos negativos da Barragem do Fridão a que hoje se pôs fim com o incontestável contributo do PEV."

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos