slogan

100 anos da grande guerra -exposição em AmarnateA Biblioteca de Amarante evoca 1º Centenário da Grande Guerra com uma exposição e reedição de "Nas Trincheiras da Flandres", do Capitão Augusto Casimiro, por Isilda Monteiro, uma docente e investigadora universitária.

A exposição vai estar patente no espaço da biblioteca Albano Sardoeira até 27 de Setembro. Compõem a exposição painéis informativos alusivos à temática e adereços militares da época, como capacetes e armamento. Quanto à apresentação da reedição do livro acontece amanhã pelas 17H. Escritor e militar português, Augusto Casimiro dos Santos nasceu a 11 de maio de 1889, em Amarante e faleceu a 23 de Setembro de 1967, em Lisboa.Após a conclusão dos estudos liceais em Coimbra, em 1906, integrou a Escola do Exército. Como oficial, participou na Campanha da Flandres (1917-18) durante a Primeira Guerra Mundial, o que lhe valeu várias condecorações e a promoção a capitão. Exerceu também o cargo de governador do Congo português, de secretário do Governo-Geral de Angola, em 1914, e acompanhou a missão de delimitação da fronteira luso-belga em África. Por se opor ao regime nacionalista, esteve preso na Ilha de Santo Antão, em Cabo Verde, na década de 30, regressando a Lisboa, em 1936, graças a uma amnistia. Um ano depois, foi de novo reintegrado no Exército português, mas como reserva. A experiência militar marcou a sua escrita, especialmente em Nas Trincheiras da Flandres (1919) e Calvários da Flandres (1920). Como autor de poesia, ficção e textos de intervenção, em que manifestava a sua filiação no ideário republicano, o escritor publicou ainda, entre outros livros, Para a Vida (1906), A Evocação da Vida (1912), Primavera de Deus (1915), A Educação Popular e a Poesia (1922), Nova Largada (1929) e Cartilha Colonial (1936), obra na qual manifestou o seu desejo patriótico de afirmação de Portugal no mundo. De referir que Augusto Casimiro foi colaborador da revista Águia e cofundador (1921), dirigente e redator (1961 a 1967) da revista Seara Nova, principal órgão de comunicação que se oponha democraticamente ao regime de Salazar e ao Estado Novo.

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Madrugar

Madrugar

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos