slogan

RR PROMOVE OBRAS NO MARCO DE CANAVESESA Rota do Românico vai promover obras de conservação e salvaguarda na Ponte do Arco e na Capela de São Lázaro, no Marco de Canaveses, de forma a potenciar a sua vocação cultural e turística.

No caso da Ponte do Arco, localizada na freguesia de Várzea, Aliviada e Folhada, os trabalhos procurarão corrigir sobretudo os seus problemas estruturais, o que implicará o desmonte parcial do arco, tabuleiro e encontros.

Revela a Rota do Românico em comunicado que, o atual pavimento do tabuleiro será substituído por calçada de granito à portuguesa, as guardas e muros serão reformulados e as "alminhas" beneficiarão de trabalhos de limpeza e conservação.

Os trabalhos referidos serão alvo de acompanhamento arqueológico, sob responsabilidade da Escola Profissional de Arqueologia do Freixo, Marco de Canaveses. Já a intervenção na Ponte do Arco, classificada como Imóvel de Interesse Público e integrada na Rota do Românico desde 2010, vai implicar um investimento de cerca de 171.000 euros, incluindo os custos com o projeto de execução, a assistência técnica, a coordenação de segurança, os trabalhos arqueológicos e as obras de conservação e salvaguarda. A Ponte do Arco vai estar totalmente interrompida à circulação de veículos motorizados a partir do próximo dia 12 de novembro, constrangimento que se manterá até abril de 2019, data prevista para a conclusão das obras. Contudo, será garantida durante este período a travessia de peões. No caso da Capela de São Lázaro, localizada junto à Igreja de São Nicolau de Canaveses, na freguesia do Marco, os trabalhos previstos incluem a renovação das coberturas da Capela com a execução de um novo revestimento de telha cerâmica, incluindo a reabilitação dos madeiramentos existentes, e a execução integral de uma nova cobertura para o alpendre.

Estas obras de conservação da Capela de São Lázaro, também classificada como Imóvel de Interesse Público (desde 1971), deverão estar concluídas até ao final do corrente ano e implicarão um investimento de cerca de 24.000 euros.

As intervenções descritas na Ponte do Arco e na Capela de São Lázaro representam, assim, um investimento total de cerca de 195 mil euros, cofinanciado em 90% pelo Turismo de Portugal e em 10% pelo Município do Marco de Canaveses, no âmbito da operação "Valorização Patrimonial da Rota do Românico" apresentada pela Associação de Municípios do Vale do Sousa ao programa Valorizar - Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior.

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos