slogan

Filandorra vence com projeto O Teatro e as Serras apresentado em Alfândega da FéO projecto da Filandorra – Teatro do Nordeste "O Teatro e as Serras", cuja proposta foi apresentada no Encontro Participativo de Alfândega da Fé em Março de 2017, é um dos vencedores da primeira edição do OPP – Orçamento Participativo de Portugal na área da Cultura/Região Norte.

Uma vitória histórica para a Companhia que vê o seu projecto de trinta anos a ser reconhecido pelas populações da região, reconhecimento esse materializado no número de votos que permitiu esta vitória.

Com um investimento de 100.000,00€ e um período de execução de dois anos, esta "almofada" financeira a atribuir à Companhia vai permitir "salvar a Filandorra", dada a ausência de apoios da DGartes/Ministério da Cultura desde 2012.

O projeto vai situar-se física e emocionalmente e em relação direta com as comunidades VIP – Vivemos no Interior do País, confinadas às localidades que circundam as serras de Bornes/Nordeste Transmontano, envolvendo os Municípios de Alfândega da Fé, Vila Flor, Mogadouro e Macedo de Cavaleiros; Padrela, abrangendo os Municípios de Valpaços, Mirandela; Montezinho, com os Municípios de Bragança e Vinhais; Gerês envolvendo os Municípios de Montalegre e Boticas; e naturalmente as Serras do Marão e Alvão, afectando os Municípios de Vila Real, Santa Marta de Penaguião, Amarante, Baião, Vila Pouca de Aguiar, Ribeira de Pena e Mondim de Basto). Todos estes municípios farão parte de uma rede de circulação dos espetáculos/oficinas de formação criadas a partir deste projeto, dinamizando um território que apesar da sua baixa densidade tem população um pouco envelhecida mas ativa e com direito a usufruir dos bens culturais consagrados na Constituição Portuguesa.

Neste contexto, serão implementados quatro pólos de criação artística que envolverão equipas multidisciplinares nas áreas da escrita e dramaturgia, desafiando para o efeito escritores com ligação à interioridade e aos territórios como José Luís Peixoto, A.M. Pires Cabral, Alexandre Parafita e José Rentes de Carvalho, complementadas por especialistas de cenografia da representação e performance, que produzirão espetáculos/performances que circularão nos territórios e cruzarão entre si as experiências desenvolvidas num novo/velho caminho da "transumância" cultural.

O projecto prevê o seu lançamento na Festa da Montanha de Sambade, no sopé da Serra de Bornes e donde se avista o Vale da Vilariça, em Alfândega da Fé, já nos dias 04 e 05 de Novembro, evento que integra a abertura do ciclo de festividades de inverno em Trás-os-Montes nas quais a Filandorra participa, como a Festa da Cabra e do Canhoto de Cidões em Vinhais, a 28 de Outubro, e em Vilar de Perdizes a 31 de Outubro na tradicional Noite das Bruxas à Portuguesa com o mítico Padre Fontes, eventos que foram o suporte de imagem do vídeo da campanha de votação para este OPP.

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos

Este site usa cookies. Ao continuar a navegar no site você concorda com a utilização de cookies. Politica de cookies