slogan

Exposição Auschwitz Marca (s) de uma herança 70 anos depois em Mondim de BastoFoi inaugurada a exposição "Auschwitz: Marca (s) de uma herança 70 anos depois" do autor David Araújo, repórter da RTP, na biblioteca municipal de Mondim de Basto

Nesta exposição o autor evoca as duas vezes em que esteve no maior campo de concentração da Alemanha nazi. Num universo monocromático, como se apresenta Auschwitz, o autor optou pela fotografia a preto e branco, com o propósito de realçar as formas e os tons de uma realidade quase intransponível. A escolha pela luz natural e luz ambiente conduz-nos a uma representação dura e contrastada, em que prevalecem as sombras, profundamente marcadas que materializam e dão a conhecer aquele que se tornou o símbolo máximo de um projeto sem precedentes de aniquilamento de uma parte da humanidade. A exposição é completada com a exibição de uma entrevista a Leon Weintraub, um dos sobreviventes de Auschwitz, assinada pelo autor e pela jornalista Sandra Sá Couto. A abertura esteve a cargo do Presidente da Câmara, Humberto Cerqueira, que enalteceu o trabalho e manifestou o seu contentamento em acolher uma exposição de grande qualidade, de um autor natural de Mondim de Basto. Entreviu também a Professora Doutora Ana Campina, ativista dos direitos humanos que enquadrou a temática no universo dos direitos equitativos a que todos os seres humanos têm direito. Esta exposição estará patente até ao dia 10 de março de 2017.

18ª Aniversário RRB

18º Aniversário RRB

Publicidade

Madrugar

Madrugar

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos

Este site usa cookies. Ao continuar a navegar no site você concorda com a utilização de cookies. Politica de cookies