slogan

De Mancelos a Travanca nos Caminhos de AmadeoDe Mancelos a Travanca nos Caminhos de Amadeo é o mote para o percurso pedestre que a Sentir Património, com o apoio da Rota do Românico, vai dinamizar a 20 de novembro, domingo.

Num momento em que Amadeo de Souza-Cardoso (1887-1918) está em destaque no Museu Nacional de Soares dos Reis com uma grande exposição, que recria a única mostra que Amadeo realizou no Porto, em 1916, a Sentir Património e a Rota do Românico vão promover uma caminhada interpretada por alguns dos locais associados à vida e obra desta figura maior do Modernismo português. Com uma extensão de cerca de 11 quilómetros, este percurso pedestre linear terá início, pelas 8.30 horas, no Mosteiro de São Martinho de Mancelos, monumento integrado na Rota do Românico, que, apesar das transformações que sofreu ao longo dos séculos, conserva ainda importantes parcelas de um românico de resistência, datáveis de meados do século XIII, destacando-se o imponente portal.

No cemitério junto a este Mosteiro far-se-á uma visita aos túmulos de Amadeo de Souza-Cardoso e de Ana Guedes (1860-1947), enfermeira e benemérita, ambos naturais da freguesia de Mancelos.

Seguimos o percurso pelos montes da Quinta de São Tomé, que nos levarão, depois, até à Casa de Manhufe, onde Amadeo de Souza-Cardoso viveu parte da sua vida e retratou nas suas pinturas, e à Casa do Ribeiro, local do atelier de Amadeo. Ainda na freguesia de Mancelos, o percurso trilha-se ainda por algum património da época moderna e contemporânea, sobressaindo a Capela de São Sebastião e a Capela do Padrão.

Já na freguesia de Travanca, passagem obrigatória pela Casa da Figueira, onde viveu Acácio Lino (1878-1956), pintor e escultor contemporâneo. A última paragem terá como cenário mais um monumento da Rota do Românico, o Mosteiro do Salvador de Travanca. Será realizada uma visita guiada à sua Igreja, que se distingue, no contexto do património românico português, pelas invulgares dimensões e pela importância da sua ornamentação escultórica e pela extraordinária torre que a ladeia, onde se destaca o belo portal. O almoço terá lugar no claustro deste que foi um dos principais mosteiros masculinos do Entre-Douro-e-Minho, durante a Idade Média e muito além.                                                                      (texto- RR)

Programa

8h30 - Mosteiro de São Martinho de Mancelos

Cemitério de Mancelos – Túmulo de Amadeo de Souza-Cardoso

Quinta de São Tomé

Casa de Manhufe - Casa de Amadeo de Souza-Cardoso

Capela de São Sebastião

Casa do Ribeiro - Atelier de Amadeo de Souza-Cardoso

Capela do Padrão

Casa Museu Acácio Lino

Mosteiro do Salvador de Travanca

13h00 – Almoço - Claustro do Mosteiro de Travanca

Âmbito: Histórico, cultural e paisagístico

Extensão: 11 km, linear

Duração: 4 horas

Grau de dificuldade: Fácil/Moderado

Inscrição: 10 euros (inclui seguro, guia, almoço e transporte ao ponto de partida para recolha da viatura). O pagamento deverá ser efetuado no local da partida para a caminhada.

Almoço: Arroz de feijão com grelhados mistos

Publicidade

Madrugar

Madrugar

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos

Este site usa cookies. Ao continuar a navegar no site você concorda com a utilização de cookies. Politica de cookies