slogan

Busto de Eulalia Macedo na biblioteca de Amarante (1)A Biblioteca Municipal de Amarante já dispõe do busto da escritora Maria Eulália Macedo. Na passada sexta-feira, uma sessão de doação aconteceu no espaço da biblioteca para honrar a escritora amarantina. O busto é da autoria de Maria Amélia Macedo.

No dia da apresentação, e no âmbito do Dia Mundial da Poesia alunos das escolas do concelho assistiram a um momento de poesia por Maria Manuel Alvito. Nascida em 1921, em S. Gonçalo, Maria Eulália Macedo tornou-se uma das mais prestigiadas figuras amarantinas da actualidade. Falecida em 2011, a autarquia prestou-lhe homenagem com a atribuição da Medalha de Honra e a nomeação de Cidadã Honorária.

 

Notas biográficas: 


Maria Eulália Macedo nasceu na freguesia de S. Gonçalo, a 21 de Março de 1921. Teve uma infância e juventude marcadas pelo convívio com homens como Teixeira de Pascoaes, João Teixeira de Vasconcelos, escritores e artistas como Alexandre Pinheiro Torres e o pintor João de Vasconcelos.

Em 1968 recebeu o Prémio de Manuscritos de Poesia do S.N.I., pelo seu livro «Construção de Vento Norte»; em 1970 publicou o seu segundo livro, «Raízes», na «Sociedade de Expansão Cultural»; em 1971 publicou, em edições «Ática», «Histórias de Poucas Palavras», de contos e novelas;em 1994, como edição de autor, publica «As Moradas Terrenas». Em 2009, a Câmara Municipal de Amarante reeditou «Histórias de Poucas Palavras».

Tem publicações dispersas em jornais e revistas portuguesas e brasileiras. (fonte CM de Amarante)

 

Busto de Eulalia Macedo na biblioteca de Amarante (3)

Busto de Eulalia Macedo na biblioteca de Amarante (2)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos