slogan

O (E)rRo DE DEUS, romance de Carlos Queirós apresentado em PenafielA Biblioteca Municipal de Penafiel apresentou, a 19 de Fevereiro, o livro "O (E) rRo DE DEUS ", de Carlos Queirós.

Para Adelaide Galhardo, Diretora da Biblioteca Municipal de Penafiel, " Carlos Queirós apresenta mais uma vez uma obra com uma temática muito atual, que prende o leitor do início ao fim. O autor introduz uma abordagem diferente à temática de quem é Deus e a Humanidade, passando pelas descobertas da Nanotecnologia e levando-nos pelos meandros da nossa própria consciência. Carlos Queirós tem vindo a afirmar-se cada vez mais, sendo a sua obra bastante requisitada pelos nossos leitores". O Erro de Deus é um romance e baseia-se na história de um conde chamado de Policarpo de Castelão que prendeu na masmorra do Palácio dos Cisnes, em segredo, o jovem Bernardes, seu sobrinho e sucessor por falta de outros herdeiros, que pressupôs que ao cabo de poucos meses ele iria morrer no inferno da cela que existia nos fundos do edifício do século XIX. Contrariamente a todos os que por lá haviam passado desde o tempo da escravatura, onde deixaram apenas os ossos e gritos inaudíveis, Bernardes de Castelão viveu por muitos anos. Um estranho caso de conexão com um poder sinistro, fê-lo desenvolver capacidades supra-humanas, ao ponto da sua condição de homem deixar praticamente de existir. Para Carlos Queirós, autor do livro, "Este livro é uma obra diferente do que tenho escrito até agora. Não escrevo para ser mais um livro de prateleira com uma história vulgar, mas que seja uma história que nos choque e cative. Acredito que quem faz uma boa ação, acabará por ser recompensado pelo bom gesto de humanidade e o contrário também. Todos nós estamos todos ligados uns aos outros e por isso, como dizia "Saramago", Deus por vezes é tão justo como injusto surgindo muitas vezes a pergunta "onde está Deus"." O autor, Carlos Queirós nascido em abril de 1967, em Carvalhosa, concelho do Marco de Canaveses, é o terceiro mais novo de oito irmãos. Desde cedo demonstrou forte apetência pelas artes plástica e literária tendo escrito aos quinze anos o seu primeiro romance, o qual materializou em livro pelas suas próprias mãos. "O Erro de Deus" é a sua 4ª obra publicada.

Esta iniciativa contou ainda com um momento musical com instrumentos de cordas, incluindo uma Nickelharpa, instrumento de corda friccionada, equipado com teclas e cordas de ressonância (cordas simpáticas) que lhe conferem uma sonoridade característica. Este momento musical foi interpretado pelo Professor Aires Montenegro acompanhado por dois elementos da Universidade Sênior de Baltar. Teve também lugar uma visita acompanhada à Exposição de Pirogravura de Ana Ribeiro,"Pincel de Fogo", que estará exposta, na Biblioteca, durante o mês de fevereiro. A exposição de pirogravura da artista Ana Ribeiro, natural de Paços de Ferreira, autodidata e com ávida curiosidade, conta com vários trabalhos em gesso, tela, falsos vitrais e, mais recentemente pirogravura. A sua obra "A Ressurreição de Cristo", exposta na Capela do Hospital Padre Américo em Penafiel, valeu-lhe já a admiração de conceituados artistas. Conciliando com a sua vida profissional com a artística, participou em vários cursos e workshops, pretendendo a sua evolução técnica. A sua arte inspira-se tanto em situações de quotidiano como nos edifícios, museus e igrejas emblemáticos que muitas vezes visita.

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos

Este site usa cookies. Ao continuar a navegar no site você concorda com a utilização de cookies. Politica de cookies