slogan

Mafalda Veiga"Conta-me Histórias", um formato de conversas-concerto que, em 2014, esgotou as salas, regressa a Amarante com mais dois grandes nomes da música portuguesa: Mafalda Veiga e Luís Represas.

A autora de "Restolho" subirá ao palco da Casa das Artes (Centro Cultural de Amarante Maria Amélia Laranjeira) a 28 de novembro, às 22 horas, para, a 19 de dezembro, ser o Cineteatro Raimundo Magalhães, em Vila Meã, a receber, à mesma hora, Luís Represas. Os bilhetes para ambos os espetáculos, de 5€, podem ser adquiridos na Loja Interativa de Turismo de Amarante. As receitas de bilheteira revertem, respetivamente, para a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Amarante e para a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Meã.

O que é?Luís Represas

Conta-me Histórias é um ciclo de conversas-concerto em que a palavra e a música se entrelaçam com o objetivo de, pela mão de conhecidos músicos do panorama musical português, proporcionar ao público um espetáculo mais próximo do artista, onde quem dita as regras é a boa disposição e a irreverência. Como dizem os clássicos Xutos e Pontapés são "histórias daquilo que não vemos", que estão para além do mundo da matéria da vida quotidiana. O artista desmaterializa-se e aborda temas que vão desde o processo de criação das canções à importância da palavra. Habitualmente, em cada "Conta-me Histórias", o músico interpreta 7 a 8 temas do seu reportório, juntando-lhe a componente da palavra num espetáculo que tem uma duração média de 90 minutos. Os músicos fazem-se acompanhar da guitarra, piano ou algo, o mais simples possível para, informalmente, durante a conversa, explicarem alguns pormenores do processo de criação, cantando seis a oito temas. Para mediar a conversa, estão em palco o programador cultural e jornalista musical Artur Silva; o pivot de informação da RTP, Jorge Oliveira e o jornalista e crítico literário Tito Couto. O espaço em que decorre a conversa recria uma sala de estar, de forma a "simular" um ambiente de intimidade e partilha mais profundos. No final do espetáculo, o público tem a oportunidade de contactar com os artistas, através de autógrafos, fotografias ou pequenas conversas.

PODCAST-RRB-BUTTON

Publicidade

Caminho de Emaús na RRB

Caminho de Emaús

Clube de Amigos RRB

Clube de Amigos

Este site usa cookies. Ao continuar a navegar no site você concorda com a utilização de cookies. Politica de cookies